Reunião entre cfc e receita sela acordo sobre dupla contabilidade

Foi também informado que serão agilizadas a emissão de  Medida Provisória sobre a matéria tributária acima mencionada e a revisão da  Instrução Normativa n°. 1397/13, para vigorarem a partir do exercício de 2014. O CFC, a ABRASCA, o IBRACON e o CPC agradecem e reconhecem  a relevância das decisões do Ministro da Fazenda, Guido Mantega, e do  Secretário da Receita Federal, Carlos Alberto Freitas Barreto, que permitem  restabelecer a segurança jurídica e o bom funcionamento do mercado de capitais,  bem como a prevalência da informação contábil para fins de gestão e atendimento  aos demais usuários.

 

Compartilhar Post?

Contate-nos por WhatsApp